top of page

Segundo artigo do Credo Niceno-constantinopolitano

Terceira Catequese Mistagógica como preparação para o 5º Congresso Eucarístico Nacional



Neste Domingo, propomos voltar a atenção para o segundo artigo do Credo, no qual professamos a fé em Jesus Cristo, Filho de Deus.

Comecemos por recordar as palavras de S. Tomás de Aquino: “aos cristãos é necessário não só crer num Deus único, e em que Ele é o criador do céu e da terra e de todas as coisas, mas também crer que Deus é Pai e que Cristo é verdadeiro Filho de Deus. (...) O mesmo Jesus Cristo, em muitas ocasiões, chama seu Pai a Deus e diz-se Filho de Deus. Por isso, os Apóstolos e os Santos Padres puseram entre os artigos de fé que Cristo é Filho de Deus, ao dizer: ‘E em Jesus Cristo seu Filho’, isto é, Filho de Deus. Diz-se em João: Eu e o Pai somos um, a saber, quanto à natureza; e, portanto, assim como o Pai sempre existiu, também o Filho, e assim como o Pai é verdadeiro Deus, também o Filho.”

S. Tomás é bastante claro na sua meditação sobre o Credo. Jesus é Filho de Deus. No entanto, o Filho e o Pai têm a mesma natureza, mas são duas pessoas distintas da Santíssima Trindade. Deste modo é afirmado no segundo artigo que o filho não é criado, mas partilha a mesma essência do Pai, uma vez que por Ele todas as coisas foram feitas.

22 visualizações

Comments


bottom of page