Antes de mais, chama-se Baptismo por causa do rito central com que é celebrado: baptizar significa «imergir» na água. O que é baptizado é imerso na morte de Cristo e ressurge com Ele como «nova  criatura»(2 Cor 5,17). Chama-se também «banho da regeneração e da renovação no Espírito Santo» (Tit 3,5) e «iluminação», porque o baptizado se torna «filho da luz» (Ef 5, 8).

Passos necessários
 

1. Marcar data do Baptismo

A marcação é feita directamente no Cartório durante o horário de atendimento, ou em horário a combinar com  os párocos. Todos os documentos necessários devem ser entregues no Cartório.

2. Documentos necessários

a) Pedido de Baptismo  (formulário para descarregar);
 

b) Transferência de Baptismo - Os pais devem trazer uma declaração do pároco se viverem noutra paróquia;


c) Atestado de Idoneidade dos padrinhos (a passar pela paróquia de residência).

 

3. Preparação da Celebração

Mensalmente, há um encontro de preparação para o Batismo no qual devem participar os pais e os padrinhos